A efusão do Espírito Santo

PentecostesPentecostes” é o nome grego dado à festa da colheita, chamada “festa das semanas”. Ela é celebrada durante sete semanas, ou cinquenta dias após a Páscoa. Esta festa marcava o fim da colheita do trigo e fazia parte de uma das três festas agrícolas celebradas pelo povo de Deus após a entrada em Canaã.

Pentecostes se tornou também a festa da renovação da aliança: “Comprometeram-se por uma aliança a buscar Javé, Deus de seus pais, de todo o seu coração e de toda a sua alma” (Cr 15, 10-13).

O grupo dos apóstolos, formado por Pedro, João, Tiago, André, Filipe, Tomé, Bartolomeu, Mateus, Tiago (filho de Alfeu), Simão (o Zelota), Judas (filho de Tiago), estava reunido em oração com Maria, a mãe de Jesus, e outras mulheres no dia em que aconteceu Pentecostes.

“No dia de Pentecostes, o Espírito da promessa foi derramado sobre os discípulos, ‘reunidos no mesmo lugar’ (At 2,1), esperando-o, ‘todos unânimes, perseverando na oração’ (At 1,14). O Espírito, que ensina aIgreja e lhe recorda tudo o que Jesus disse, vai também formá-la para a vida de oração.” (CIC § 2623)

“Tendo-se completado o dia de Pentecostes, (…) de repente, veio do céu um ruído como o agitar-se de um vendaval impetuoso, que encheu toda a casa onde se encontravam. Apareceram-lhe então línguas como de fogo, que se repartiam e que pousaram sobre cada um deles. E todos ficaram repletos do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito lhes concedia se exprimirem.” (At 2,1- 4)

O milagre de Pentecostes tem relação com o carisma da glossolalia, dom sobrenatural das línguas, frequente nos primórdios da Igreja. “Pela efusão do Espírito Santo, a Igreja é manifestada ao mundo. O dom do Espírito inaugura um tempo.” (CIC §1076)

Comentando o dia de Pentecostes, Papa Francisco, em 19 de maio de 2013, disse: “Neste dia, contemplamos e revivemos na liturgia a efusão do Espírito Santo realizada por Cristo ressuscitado sobre a sua Igreja; um evento de graça que encheu o Cenáculo de Jerusalém para se estender ao mundo inteiro”.

Na sala do Cenáculo na Terra Santa, o Papa disse: “Daqui parte a Igreja em saída, animada pelo sopro vital do Espírito. Reunida em oração com a Mãe de Jesus, ela sempre revive a espera de uma renovada efusão do Espírito Santo. Desça o vosso Espírito, Senhor, e renove a face da terra (cf. Sal 104, 30)” (26 de maio de 2014).

Com animada confiança e à espera deste mesmo sopro vital do Espírito Santo, nós nos preparamos para o Pentecostes que acontecerá no próximo domingo, 8 de junho. Deixe-se renovar pela novidade do Espírito!



Newsletter

Como Chegar

Colégio São Francisco Xavier

Rede Jesuíta de Educação
Rua Vicente da Costa, 39
Ipiranga – São Paulo, SP

+55 (11) 3013-0320
Ver mapa Agende uma visita