O Colégio São Francisco Xavier

Integrando a Rede Jesuíta de Educação (RJE), composta por 17 unidades, do Nordeste ao Sul do Brasil, o Colégio São Francisco Xavier se inspira nas características da Educação Inaciana e, com essa experiência pedagógica sempre revitalizada, atualizada e adaptada às exigências históricas do tempo em que atua, desenvolve seu trabalho em colaboração com a missão da Igreja.

Nossa História

O Colégio São Francisco Xavier, localizado no bairro do Ipiranga, São Paulo, foi fundado por um dinâmico Jesuíta italiano, entusiasmado com a evangelização dos imigrantes japoneses no Brasil: o padre Guido del Toro, SJ. Natural de Monte Pulciano, na Toscana, Itália, nasceu aos 26 de junho de 1876. Ordenado sacerdote no ano de 1911 deixou a Itália em 1914, rumo ao Brasil.

O Pe. Guido decidiu, então, dedicar-se de corpo e alma à evangelização dos imigrantes japoneses e seus descendentes. Surge assim a ideia de fundar uma escola de orientação cristã para os filhos destes imigrantes e, em 1928, inaugurou-se na Liberdade a Escola com o nome de “Collegio Catholico Japonês São Francisco Xavier”, numa casa alugada à Rua da Liberdade, 149.

No ano seguinte, no dia 16 de julho de 1929, festa de Nossa Senhora do Carmo, a então Sociedade Brasileira de Educação, nome civil dos jesuítas nesta região, recebia, por solicitação do Pe. Guido del Toro, SJ, um terreno de 6800 m2, na colina do Ipiranga, ao lado da “Estrada velha de Santos” ou “Caminho de Anchieta”, onde atualmente está localizado o Colégio.

Foram doadores o Dr. José Vicente de Azevedo e sua esposa D. Cândida Bueno Lopes de Oliveira Azevedo, sendo então Provincial dos Jesuítas o Pe. Marcelo Renaud, SJ.

Em 1931, iniciaram-se os trabalhos da construção do novo edifício no Ipiranga que, com o tempo, se tornaria o Colégio São Francisco Xavier, verdadeiro centro da missão Japonesa dos Padres e Irmãos Jesuítas em São Paulo.

No dia 03 de novembro de 1931 foi realizada a transferência do Colégio, da Avenida Liberdade para a Rua Moreira e Costa, 531 e, no dia 12 de março, foi realizada a sua inauguração oficial. No dia 19 de março de 1932, dia de São José, o Pe. Guido teve a alegria de celebrar a primeira missa no salão de estudos do novo prédio.

Em 1950 foi concedida autorização para o funcionamento condicional da escola como “Ginásio São Francisco Xavier”. Durante 16 anos funcionou como Ginásio e Primário.

No início da década de 60, o prédio do Colégio estava praticamente concluído, inclusive a igreja e o salão de artes. A construção desta ala, localizada ao longo da Rua Padre Marchetti foi feita pelo Padre Shigeo Takeuchi, por ocasião das bodas de ouro da imigração Japonesa, em 1958.

Em 1966 foi aprovada a instalação do então Segundo Grau, passando a ser chamado “Colégio São Francisco Xavier”. Até então o Sanfra era exclusivo para meninos, muitos deles não mais de origem japonesa.

Em 1969, seguindo o exemplo de outros Colégios Jesuítas e atendendo às solicitações das famílias, abriram-se as portas também para as meninas, tornando-se um colégio misto, como pede inclusive a orientação educativa atual.

Reitores e Diretores do Sanfra

Os reitores Jesuítas que estiverem à frente do Colégio são:

1928 a 1950

Pe. Guido Del Toro, SJ

1965 a 1971

Pe. André Massao Ozaki, SJ

1983 a 1984

Pe. Angel López Abad, SJ

1988 a 1992

Pe. Roberto Villar, SJ

2005 a 2010

Pe. Manuel Madruga Samaniego, SJ

2016

Irmão Marcos Epifanio Barbosa Lima, SJ

1950 a 1959

Pe. Inácio Shigeo Takeuchi, SJ

1971 a 1977

Pe. Fernando Maria Álvarez de Miranda, SJ

1984 a 1987

Pe. Paulo Pedreira de Freitas, SJ

1992 a 1999

Pe. Nelson Lopes da Silva, SJ

2011 a 2012

Pe. Eduardo Henriques, SJ

1961 a 1965

Pe. Ângelo Banki, SJ

1977 a 1983

Pe. José Maria Herreros Robles, SJ

1987 a 1988

Pe. Luis Pecci, SJ

1999 a 2005

Pe. Laerte J. Cargnelutti, SJ

2012 a 2016

Pe. Eduardo Beltramini, SJ

Como extensão do Colégio e do trabalho pedagógico e formativo, durante o Reitorado do Pe. Nelson Lopes da Silva, SJ foi comprada uma bela chácara com 55.000 m² no bairro do Riacho Grande, em São Bernardo do Campo, junto à represa Billings, para os cursos, atividades de formação e lazer dos alunos, professores, funcionários e famílias.

Durante o reitorado do Pe. Laerte J. Cargnelutti (1999-2005) foi feita a reinstalação dos laboratórios de física, química e biologia e das novas salas de aula para o Ensino Médio e todo um trabalho de modernização do Colégio.

Newsletter

Como Chegar

Colégio São Francisco Xavier

Rede Jesuíta de Educação
Rua Vicente da Costa, 39
Ipiranga – São Paulo, SP

+55 (11) 3013-0320
Ver mapa Agende uma visita